Qualidade das lâmpadas de LED instaladas em Araxá é debatida em Fórum Comunitário

Qualidade das lâmpadas de LED instaladas em Araxá é debatida em Fórum Comunitário

O Plenário Vereador Guilherme Gotelip Neto recebeu nesta quarta-feira (02) um Fórum Comunitário que discutiu a qualidade e procedência das lâmpadas de LED que estão sendo instaladas no Município.

A mesa de honra foi composta pelo presidente da casa, vereador Bosco Júnior; pelo vereador solicitante da sessão, Evaldo do Ferrocarril; pelo secretário Municipal de Serviços Urbanos – Ricardo Alexandre da Silva (Kaká); pelo engenheiro elétrico do Consórcio Intermunicipal Multifinalitário do Planalto de Araxá (Cimpla) – Pablo Henrique Bosco; e pelo representante da Procuradoria Geral do Município – Dr. Antônio Carlos.

O vereador Evaldo do Ferrocarril conduziu o evento. Ele destacou o objetivo do fórum: “Debater a qualidade, garantia, tempo útil, problemas relacionados ao período chuvoso e benefícios da iluminação LED para os moradores”. O parlamentar também lamentou a ausência da Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig, que foi convidada, mas não enviou representante.

O secretário Kaká relatou que foi feito um levantamento sobre a qualidade das lâmpadas instaladas pelo município através do projeto Cidade Luz. Segundo ele, por enquanto não existe nada que desabone as luminárias, elas têm garantia de 5 anos e mais de 5 mil unidades foram instaladas.

Segundo o engenheiro eletricista do Cimpla, consórcio responsável pela instalação das lâmpadas, as luminárias que se encontram com defeito são do programa Minas LED, implantado pelo Governo do Estado, e não têm nenhuma ligação com o município. Em relação às luminárias do projeto da Prefeitura, ele relatou que 0,6% delas apresentaram problemas e já foram encaminhadas ao fabricante. Na opinião dele, este percentual é aceitável, mas se essa margem de lâmpadas defeituosas aumentar, o Consórcio irá investigar.

Durante a reunião, alguns parlamentares levantaram questionamentos sobre a qualidade das lâmpadas, outros expressaram sua tranquilidade em relação à fiscalização realizada pela Prefeitura e pelo Cimpla. A população também participou com perguntas aos vereadores e componentes da mesa.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *