Raphael Rios pede agilidade na reposição de materiais para o PAM

Raphael Rios pede agilidade na reposição de materiais para o PAM

O vereador Raphael Rios abriu seu pronunciamento na tribuna, na reunião ordinária desta terça-feira (18), cobrando providências urgentes para a reposição de materiais essenciais e equipamentos no Pronto Atendimento Municipal (PAM). São vários itens em falta de acordo com reclamações recebidas.

Raphael visitou a unidade, nesta segunda-feira (17), e constatou o problema. Entre os materiais em falta nos últimos dias estão esparadrapos, máscara de Venturi, álcool, seringas, luvas e até lençóis. Entre equipamentos, há a necessidade de monitor e respirador.

“Estamos falando de uma unidade que atente 24 horas casos extremos, de urgência e emergência. O trabalho fica prejudicado pela falta de materiais essenciais. Uma cidade com um orçamento igual ao de Araxá não pode falhar nessa questão que é de saúde pública, que salva vidas. Logo teremos um PAM novo em folha, isso é mais que necessário, mas se não tem materiais, qual será a efetividade do atendimento?”, lamenta o vereador.

Raphael destacou que os setores específicos da prefeitura, que cuidam da aquisição desses materiais, devem se mobilizar para que esse problema seja solucionado o mais rápido possível.

Meio Ambiente: Limpeza estrada do Mourão Rachado e implantação de ecopontos padronizados

O meio ambiente também foi tema destacado por Raphael Rios. O vereador falou sobre a necessidade de instalação de ecopontos em regiões estratégicas de Araxá, contribuindo para a destinação correta de materiais domésticos não utilizados e restos de construção que cada vez estão sendo descartados por carroceiros, caminhões e até mesmo por moradores às margens de estradas rurais e terrenos vagos.

Ele exemplificou a estrada rural que dá acesso à comunidade do Mourão Rachado, que tem vários metros de suas margens tomados por entulhos e restos de materiais inutilizados como sofás velhos, geladeiras, televisores e outros, inclusive, apresentou indicação à Secretaria Municipal de Serviços Urbanos para que recolha esses materiais.

O vereador defende a execução de um projeto padronizado, com áreas estruturadas por escritórios, monitoramento, caçambas e boxes para receber materiais separadamente, diferentemente do que já ocorreu no passado que terrenos vagos eram utilizados de forma incorreta e não poderiam ser considerados como ecopontos.

O vereador apresentou também indicação ao Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Araxá (IPDSA) para que se realize um estudo para a execução desse importante projeto.

Ele exemplificou os ecopontos de Uberlândia, onde a população e carroceiros fazem a entrega voluntária de resíduos de até 1 m³ (metro cúbico), e recebem o destino adequado, sendo processados e reaproveitados na construção civil, cobertura de aterros sanitários, reciclagem e outros benefícios.

Entre os materiais descartados nos ecopontos estão tijolos, blocos, telhas, placas de revestimento, argamassa, concreto, tubos, plásticos, papel/papelão, metais, vidros, madeiras, produtos fabricados com gesso, poda de árvores, recicláveis, sofás, armários, pias, pilhas, baterias e vaso sanitário.

Arborização: Plantio de árvores no bairro Bela Vista

Raphael também destacou sua recente participação em uma etapa do projeto Arborização Urbana, executado pelo IPDSA e Secretaria Municipal de Ação e Promoção Social, por meio da Casa do Pequeno Jardineiro, com atendimento ao bairro Bela Vista.

Foram plantadas mudas de Jacarandá Mimoso e Cássia Rosa, envolvendo equipes das duas entidades e moradores, que demandaram ao vereador essa iniciativa.

Coleta Seletiva: Comitiva conhece trabalho da Foco Ambiental

O vereador destacou ainda apoio do Grupo Repensando (paroquianos de São Domingos) e Acia Jovem à coleta seletiva. O vereador organizou a visita de representantes dessas entidades ao galpão da Foco Ambiental, coordenado por Reilda Maria, que passa por necessidades extremas pela falta de apoio financeiro.

São cinco famílias trabalhando na coleta de materiais recicláveis de forma precária e que vivem improvisadamente no galpão por causa da baixíssima renda. Elas receberam doação de alimentos e cobertores.

Demais ações

– Indicação à Secretaria Municipal de Esportes para a implantação de projetos no Centro Esportivo Nadyr Barcelos (Buracanã), espaço este que está abandonado há vários anos e vem sendo ponto de vandalismo, tráfico e consumo de drogas.

– Indicação à Secretaria Municipal de Segurança Urbana e Cidadania para a implantação de sinalização horizontal (solo) em vias recentemente recapeadas nas imediações da Praça Princesa Izabel e empresa People Araxá.

  • arvores19717
  • buracana19717
  • eco19717
  • mouraorachado19717
  • visita19717

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x